quem somosAlexandre Fabbri tem como formação profissional a Engenharia Agrônoma, e iniciou seus trabalhos no universo do paisagismo em 1987, ao atuar em projetos de jardins residenciais e comerciais de alto padrão, adequar soluções para pequenos espaços em casas e apartamentos, no desenvolvimento do projeto paisagístico de empreendimentos comerciais e residenciais, parques e fazendas, com a expertise para implementar suas ideias tanto em metrópoles, interior ou praia.

Dentre os seus principais projetos de sua carreira profissional, podemos exemplificar:

Jardins Residenciais de Iporanga e São Pedro, no Guarujá: os Jardins residenciais no litoral de alto padrão – com a capacidade de integração de plantas ornamentais do projeto com as plantas nativas existentes (mata atlântica), com a montagem de espaços harmônicos.

Hospital Albert Einstein (Unidades Morumbi, Ibirapuera e Av. Brasil): Os  Jardins comerciais de alto padrão caracterizam-se pela formulação de projeto e execução de jardim com alta qualidade, que é a marca desta instituição. Os jardins tem como característica a uniformização das unidades em alto padrão, tanto na criação como no resultado final.

Jardins em pequenos espaços: Casas e apartamentos, com vasos e complementos nacionais e importados, de alta qualidade, para a valorização dos ambientes.

Para Fabbri, que cita Roberto Burle Marx como maior inspiração em seu trabalho, o jardim é o complemento do projeto arquitetônico, seguindo a linha do projeto, define-se um paisagismo moderno ou clássico, simples ou rebuscado, unificando a edificação.  Nos jardins de praia utilizamos plantas bem tropicais, com aparência semelhante as bananeiras (heliconias, alpineas), palmeiras e coqueiros, plantas adaptadas para um clima quente e úmido.

Na cidade podemos generalizar o uso das espécies, porém com desenvolvimento mais lento. Montamos também jardins tropicais e europeus (jardins com Tuias e plantas podadas, são jardins com formas bem definida, jardins clássicos).

O paisagista alinha seu projetos à sustentabilidade por meio do reaproveitamento das águas de chuva, plantio de árvores e palmeiras nativas, favorecendo o reflorestamento das cidades, uso de jardins verticais e tetos verdes para diminuição da temperaturas, o que resulta em economia de energia.

Alezendre Fabbri têm como satisfação poder trabalhar com a natureza, com ótimos resultados estéticos que enriquecem os mais diversos ambientes, com o foco na satisfação de seus clientes.

 

imprensaIMPRENSA

Paisagismo e Jardinagem - outubro 2   Camada 3   Camada 5   Camada 4   Camada 2